Skip to content

O Desafio Brasil 1

quarta-feira, 1 abril, 2009 @ 6:40 pm

O Desafio Brasil 1 Em meados de 2008 o manza Murillo Novaes lançou o livro Lobos do Mar, com um depoimento de Torben Grael sobre a participação brasileira na Volvo Ocean Race.

Amanhã, dia 2 de abril, na Marina da Glória, das 19h às 21h, Murillão vai autografar mais um: O Desafio Brasil 1 – A Aventura Brasileira na Volta ao Mundo.

O livro traz novos detalhes das aventuras do Brasil 1, barco comandado por Torben Grael que participou da Volvo Ocean Race 2005/2006. As mais de 200 fotos, muitas delas inéditas, registram momentos de aflições, desafios em alto mar, conquistas e percalços desde a largada, em Vigo, passando por Capetown, Melbourne, Welligton, Rio de Janeiro, Baltimore, New York, Portsmouth, Roterdã, até a chegada em Gothemburg.

O Brasil 1, além de ser um projeto esportivo, pretendia mostrar ao mundo que nosso país não é só apenas samba, futebol e mulheres, define o empresário Sergio Mello, sócio da Brasil 1 Esporte & Entretenimento e idealizador do livro. O designer Felipe Taborda inspirou-se nas aventuras marítimas e desenhou um livro-arte, de capa dura, bilíngüe, com formato de 25x35cm, com 70cm quando aberto, que atrai tanto aficcionados do esporte quanto o público ligado à arte, já que o cuidadoso tratamento de edição deixou-o com cara de objeto de decoração, perfeito para ficar exposto em cima de uma mesa.

Ilustrações e causos curiosos sobre a construção do veleiro marcam o tom do livro, que tem registradas histórias como um acidente com um dos tripulantes do veleiro que teve uma costela quebrada e ficou 10 dias para recuperar-se, pois o barco chocou-se com uma baleia; além de um incêndio a bordo; a ilustre visita de Gisele Bündchen; o convés rachado por causa de uma forte onda que arremessou o barco contra uma imensa parede de água; e a quebra do mastro perto da Austrália, o que forçou a equipe a abandonar a regata, colocar o barco em terra, e atravessar, de caminhão os 4000km de deserto para chegar a Melbourne e fazer os devidos reparos. Depois de muita correria eles conseguiram chegar a tempo para a regata local e montaram o barco minutos antes da largada e conseguiram liderar a prova toda, só perdendo uma posição na reta final.

Eu não sei você, mas amanhã estarei lá pegando meu autografo.

Em que você está pensando? Deixe seu pitaco.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: