Skip to content

Aço inox – como especificar ferragens

terça-feira, 20 outubro, 2009 @ 12:07 am

Reinaldo, do veleiro Mythos, já falou sobre as ligas inox mais indicadas para ferragens de barcos, como mantê-las e como recuperá-las. Agora ele vai dar algumas informações, básicas, mas importantes, para uma boa especificação na hora de encomendar uma nova ferragem:

Na fábula Alice no País das Maravilhas, o clássico de Lewis Caroll,  temos uma situação mais ou Alice no País das Maravilhasmenos assim:

Alice pergunta para coelho.
- Qual o caminho a seguir?
O coelho devolve a pergunta.
- Para onde você quer ir?
Alice responde.
- Para qualquer lugar.
O coelho.
- Para quem deseja ir para qualquer lugar, qualquer caminho serve.

Se você não fizer uma especificação mínima sobre a ferragem que deseja, é possível que receba qualquer coisa. Já temos em mente que o aço indicado para a fabricação das peças que ficam no convés é 316L. É o primeiro passo.

A peça a ser fabricada poderá ser feita a partir de uma chapa, ou pedaço de chapa, tubo ou barra. Estamos falando somente de peças sob encomenda, peças compradas prontas, já fabricadas, eu classifico como peças seriadas ou produzidas em série, e neste caso podemos apenas especificar a liga 316, nada mais. É importante sabermos que o fabricante da peça tem limitações, o material possui limitações, e nem tudo que imaginamos é possível ser fabricado.

Cartaz de Bonitinha mas Ordinária Débora, minha esposa, tem imaginação fértil. Costumo dizer que a imaginação dela faz curvas, mas nem sempre é possível fabricar as curvas que ela imagina. É aí que temos o ajuste entre o projeto e a fabricação. Além da fabricação temos que ter em mente a funcionalidade da peça e sua resistência ao “tranco”, aquele negócio de bonitinha mas ordinária só fica bem nos textos de Nelson Rodrigues.

Aguarde, amanhã, o ultimo artigo da série sobre aço inox: as ferragens do Mythos.

Para outros posts sobre aço inox clique aqui.

About these ads
3 Comentários leave one →
  1. tretando permalink
    terça-feira, 30 abril, 2013 @ 4:39 pm 4:39 pm

    Interessante essa matéria !

    http://www.tiposdeblindagem.com/

Trackbacks

  1. Esclarecendo alguns pontos, quase enferrujados! « Veleiro Mythos

Em que você está pensando? Deixe seu pitaco.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 1.785 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: